Caros alunos, boa tarde!
O termo curta-metragem começou a ser utilizado nos Estados Unidos na década de 1910, quando boa parte dos filmes começava a ter durações cada vez maiores. O gênero que mais utilizou o formato de curta-metragem foram as animações. Ainda hoje há muitos filmes com ação ao vivo (live-action) e de animação produzidos como curta-metragem, havendo inclusive um premio dos Oscar para cada tipo. Formato bastante difundido e em expansão no Brasil desde os anos 70, a curta-metragem é também adoptada em documentários, filmes de estudantes e filmes de pesquisa experimental. Segundo a Agência Nacional do Cinema (ANCINE) em sua Instrução Normativa 22, anexo I, a definição de Curta-Metragem é dada a filmes de até 15 minutos, Média-Metragem para filmes com tempo acima de 15 minutos e até 70 e Longa para filmes com mais de 70 minutos. Uma sugestão para as férias é ver os curta-metragens produzidos pelos alunos de Pedagogia Ibilce/Unesp (Turma 2008)  no Youtube, sob orientação do Prof. Dr. Humberto Perinelli Neto da disciplina Conteúdo e Metodologia do Ensino de História e Geografia:

Praça Rui Barbosa – São José do Rio Preto – SP – Brasil:

Sociabilidades Rurais: Produções Agropecuárias:

Logradouro Público: Rua Bernardino de Campos:

Estrada de Ferro Araraquarense:

Boas férias a tod@s! Prof. Fábio Fernandes Villela.

2 Comentários “Curta-Metragens dos Alunos de Pedagogia Ibilce – Unesp – Rio Preto – SP – Brasil”

  1. Talita disse:

    Que lindos! Vou confessar que este é o post que eu faço com mais entusiasmo.
    Para todos os grupos a produção de curtas foi um verdadeiro TRABALHO, gerou crises, tensões, decepções, superações, mas em compensação trouxe este resultado maravilhoso, super bem avaliado no 1º evento destinado a eles e um orgulho que bate no peito de cada uma que se envolveu!

    Obrigada por também prestigiar o nosso trabalho que foi o primeiro reconhecido no nosso curso pela maioria dos professores. É de incentivos assim que o curso precisa!

Deixar um comentário