Bom Dia Caros Alunos! Tudo bem?

Gostaria de partilhar com todos que nosso Projeto de Extensão, desenvolvido no Distrito de Talhado em São José do Rio Preto – SP – Brasil, foi apresentado no Programa “Nosso Campo” da TV TEM.  O objetivo central do projeto, em 2011, foi desenvolver tópicos da área de Ciências Humanas e suas Tecnologias, através do Blog de Aula – Mutirão de Sociologia, para alunos que manifestarem interesse, regularmente matriculados, na escola pública Prof. Dr. João Deoclésio da Silva Ramos, situada no distrito de Talhado, em São José do Rio Preto (SP), de forma experimental, e depois estender a experiência para outras escolas estaduais que tiverem interesse. Vc podem assistir a reportagem através do link abaixo.

Saudações, Prof. Fábio Fernandes Villela.

Acesse a reportagem sobre o Blog de Aula – Mutirão de Sociologia no Programa “Nosso Campo” da TV TEM:

http://www.youtube.com/watch?v=a3eYOhobHD8

108 Comentários “Projeto de Extensão “Blog de Aula – Mutirão de Sociologia” no Programa Nosso Campo da TV Tem”

  1. b. disse:

    Eu achei a reportagem muito interessante, porque ele mostra que todos os adolescentes podem ser alguém na vida através da comunicação.
    Hoje em dia os adolescentes não querem nada com a vida, se pelo menos todo mundo fizesse a sua parte os adolescentes se tornaria umas pessoas de bem com a vida…

  2. a. disse:

    este esta reportagem foi muito legal enclusive para mim que tinha vergonha de falar era um dos meus maiores medos foi muito interesante pra e para nossa escola !!!!!!!!!!

  3. d. disse:

    olha.. gostei pois mostra nossa escola e mostra tambem como a internet faz parte do dia-a-dia..!!! at[e mais mutirao!!!!

  4. m. disse:

    muito legal

  5. p. disse:

    achei muito interessante a reportagem,que fala do dia a dia das pessoas que vivem no campo.gostei muito.

  6. c. disse:

    e muito interessante para a sociedade.

  7. r. disse:

    um projeto muito interessante que capacita jovens a ver o campo de uma forma diferente.parabens ao projeto blog de aula ,pela sua preocupaçao com os adolescentes!!!!!!!!!

  8. c. disse:

    Eu achei a reportagem muito interessante!
    Pois a internet tras beneficios as pessoas que moram no campo!

  9. m. disse:

    foi muito interessante para cutura rural………… PARA NOSSA ALEGRIA

  10. l. disse:

    Eu achei a reportagem muito legal,pois tras recursos para quem mora no campo!

  11. j. disse:

    Eu adorei essa reportagem porque mostra para as pessoas da zona urbana, que nao e so porque moramos no campo que iremos ficar desconectados do mundo e de tudo o que acontece nele.E com a tecnologia fica muito mais facil de se comunicar com as pessoas, independente da distancia.

  12. t. disse:

    achei interessante, pois mostra a vida no campo tendo relação com a cidade!!!

  13. s. disse:

    gostei
    mostra como as redes de comunicação é importante para os jovens….

  14. g. disse:

    achei que a vida no campo está relacionada com a vida na cidade.

  15. i. disse:

    Gostei muito,pois mostra para as pessoas que devemos estar sempre nos atualizando independente das circuntancias

  16. b. disse:

    adoreii pois fala da nossa realidades..o nosso dia-a-dia….

  17. b. disse:

    Adoorrei …

  18. c. disse:

    eu achei a reportagem bem interessante…

  19. m. disse:

    no campo a vida e muito melhor pois temos comtato direto com a naturesa e comseguimos des cansar melhor pois nao a barulhos anoite intera como de carros e festas de visinhos

  20. j. disse:

    eu achei a reportagem bem informativa pois fala de como é a vida no sitio e o quanto é bom morar lá, apesar de ser longe da escola é melhor morar no sitio do que na cidade! as vezes!

  21. l. disse:

    Legal pois mostra o aprendisado de quem mora na zona rural

  22. d. disse:

    eu achei o programa muito bom para as pessoas que nao tem assesso a internet.
    assim as pessoas do campo pode cultivar suas culturas de maneira deferente

  23. g. disse:

    esse video foi muito bom pois mostra a vida das pessoas do campo, e como a vida do campo tem a ver com a cidade!!!!

  24. t. disse:

    Axei mt interessante pois relata a realidade da nossa escola e mostra como é o dia a dia do Carlos !!!!!!!!!!!!!!!!!

  25. y. disse:

    Achei muito interessante pois fala das vidas das pessoas no sitio

  26. g. disse:

    eu gostei pois passa como que o aluno vem para a escola e mostra um pouco da vida dele !!!

  27. m. disse:

    e muito interessante pois mostra o desenvolvimemto dos adolescentes da zona rural em relaçao a comunicaçao virtual

  28. j. disse:

    Achei que nao tem nada a ver morar no sitio é quase a mesma coisa que morar na cidade,pois traz experiencias pra voda de todo o modo!

  29. j. disse:

    gostei pois conheci um poko da vida do carlos e como ele se desloca para a escola e pensava q ele ia de carroça mas ele vai de apé !
    gostei da parte da escola mas só mostro a parte boa e esqueceu das ruins e tem mt mt !!!!

  30. a. disse:

    Eu gostei pois tanto a cidade quanto o sitio precisam da internet pra suas evoluçoes sociais!!!!!!!!!!:)

  31. a. disse:

    achei esse videio muito interressante pois mostra a cultura do campo e da cidade!!!

  32. r. disse:

    n gostei achei meu chato

  33. b. disse:

    Eu gostei mas tem mt coisa pra muda !

  34. thiago disse:

    gostei,pois mostra a cultura das pessoas que moram no campo!!!

  35. Larissa disse:

    eu gostei muito da reportagem rural, porque fala muito da vida dos trabalhadores e dos estudantes do campo

  36. Ludmila Rodrigues disse:

    - Gostei muito , pois relata da rotina do dia a dia de Carlos , e fala da realidade de muitos . . INTERESSANTE ;]] ‘*

  37. Nih disse:

    Eu achei super interessante , pois relata a vida no campo com relação há cidade . Mas pode mudar bastante coisa ainda , e também tem algo em comum com a reportagem porque o meu avô também ajuda a administrar uma chácara ! E eu acordo muito cedo também , pois o transporte passa antes de amanhecer ainda . Bacana :)

  38. dolvano disse:

    eu achei muito interesante porque e uma coisa nova e diferente para mostrar o povo q vem do sitio

  39. rafaela disse:

    gostei bastante, pois mostra a vida no campo de um adolescente e tambem mostra a nossa escola!

  40. loiane lopes disse:

    legal mas eu acho que em vez de ficar mostrando a vida no sitio deveriam falar das coisas ruins que estao acontecendo com a escola!!!!!!!!!!!!!!!!!!1

  41. javamayan disse:

    achei legal e importante

  42. milena disse:

    a entrevista é bem interessante , pois mostra a rotina de um adolescente que mora no campo .

  43. jordy disse:

    A reportagem é muito enteressante muito legal….. :)

  44. Eduarda disse:

    eu gostei muito da reportagem porque envolve alguns alunos da minha escola

  45. larissa disse:

    nesse blog existe varios exemplos em relacao a o nosso cotidiano mostrando como e nossa rotina é tentado assim desenvolver um progeto interessante e legal…gostei muito desssa ideia pois alem de trazer inovacoes nos da ha oportunidade de aprender coisas diferentes e educativas ..:)

  46. lucas disse:

    eu achei muito interessante porque envolve alunos da escola joão deoclecio.

  47. everaldo disse:

    eu gostei muito da reportagem fala de um pouco da gente fala da nosa rejiao muito legal.

  48. thiago disse:

    gostei,pois o vídeo é muito interessante mostra a vida de um menino que mora na zona rural…

  49. dolvano disse:

    eu achei muito importate poi mostra a cultura do sitio e do povo antigo

  50. milena disse:

    achei a entrevista bem interessante , pois mostra a vida de um adolescente que mora no campo .

  51. rafaela disse:

    gostei bastante, porque mostra a vida de um adolescente que mora no campo e mostra tambem a nossa escola!

  52. Patrícia disse:

    Gostei muito da reportagem, é realmente interessante, pois nos mostra um pouco da vida de cada um.

  53. Joicy disse:

    A reportagem foi muiito interessante pois assim sabemos de outras pessoas que moram no campo e nao perde a essencia qe ela oferece!

  54. Déborah disse:

    Gostei bastante da reportagem, mas achei o questionário muito cansativo e repetitivo.

  55. lari ale e ro disse:

    nos consideramos o conteudo de extrema relevancia para nosso aprendizado, principalmente por ser algo do nosso cotidiano.

  56. Jeferson Lira disse:

    A cultura do campo deve ser mantida pela suas originalidade, mas com um toque de modernidade e tecnologia, porque o mundo evolui e devemos acompanha-lo.

  57. Bruno disse:

    Curti muito a reportagem achei muito interessante e bem feita, para mostrar que não tem importância o lugar que a gente mora …

  58. nathy disse:

    gostei,pois mostra a vida das pessoas que moram no campo.
    e mostra suas culturas.

  59. Francine disse:

    Gostei mais achei que o questionário foi muito repetitivo e muito cansativo mais adorei

  60. leomar e leticia disse:

    eu gostei muito ,á vida caipira é muito bom pois temos contatos com a natureza.

  61. JOÃO KENED VIEIRA disse:

    Eu penso que devemos cultivar todos os bens do campo,tem muitas vantagens no campo e na cidade também é logico.No campo podemos ver mais estrelas,tem muito menos poluição do que na cidade, não podemos deixar nos abater pelas ofensas que os outros dizem a respeito da pessoa do campo, porque é uma população muito importante para o Brasil e lógico, todos temos os mesmos direitos.

  62. ANTONIO DA SILVA NETO disse:

    Eu gostei da reportagem,não diferenciam uma das outras, a localização da zona rural com a urbana porque temos que respeitar todas as localizações e culturas.

    Aluno da Escola E.M.Nucleo da esperança-Alvorada

  63. Carlos Eduardo Silva Soler Júnior disse:

    Eu entendi que a vida no campo nao tem tanto tecnologia, igual na cidade, no vídeo mostrou que o menino tem que percorrer todo um caminho para conhecer, a “vida lá fora”, quando foi pra aula de informática.
    Sou aluno da E. M. Núcleo da Esperança/ São José do Rio Preto

  64. Eduardo Marcos Paulo disse:

    Eu moro na fazenda e ajudo a preservar a natureza e cuido dos animais, da nossa vida, e a nossa é o campo, e quando vou para a escola na sala de informática eu tenho informação sobre tudo o que quero estudar e pesquisar.
    Sou aluno da E. M. Núcleo da Esperança/ São José do Rio Preto

  65. Sérgio Ricardo Arrisca Filho disse:

    Eu moro na chácara e é muito legal, porque tem menas poluições, tem muito buraco mais isso não incomoda. eu vou para a escola, meus amigos me respeitam e eu tenho internet na minha casa e eu estudo bastante pela internet, porque ela me aproxima de muitas informações.
    E. M. Núcleo da Esperança/ São José do Rio Preto

  66. Diogo Gustavo Gonçalves Costa disse:

    Eu entendi que as pessoas que moram no sítio não tem tanta tecnologia quanto as pessoas que moram na cidade, mas não existe diferenças para estas pessoas, porque a tecnologia e a internet está presente em todos os lugares, porque as pessoas acessam a internet na cidade e no campo.
    E. M. Núcleo da Esperança/ São José do Rio Preto

  67. Rebeca Matilssi Gonçalves disse:

    Eu vi o vídeo, e percebi que a tecnologia ainda não chegou em todos os lugares, principalmente nos sítios. As pessoas tem que se deslocarem quando não tem, foi o caso do menino que morava no sítio e foi para a aula de informática em sua escola.
    E. M. Núcleo da Esperança/ São José do Rio Preto

  68. Erico de Oliveira disse:

    Eu entendi que no campo não tem muita tecnologia e também não tem muitos carros como na cidade grande e nem muitos prédios. As pessoas que moram no campo podem ter contato com internet nas escolas, lan house e muito mais, colocando-as em contato com outras pessoas, culturas, conhecimento.

  69. Izadora Silva de Araújo e Jennifer Caroline disse:

    Nós entendemos que a informática tem nos campos e nas zonas urbanas. Agora todoas as pessoas tem acesso a informática, porque até as escolas tem computador.
    E. M. Núcleo da Esperança/ São José do Rio Preto

  70. Miguel Proveza disse:

    Eu sou o Miguel Proveza e moro no sítio e aprendi que no sítio não tem muitas tecnologias, mas com a ajuda da internet nós conseguimos derrubar as barreiras entre a cidade e o campo. No meu sítio eu cuido dos animais, galinhas e cachorros, eu e meus irmãos ajudamos meu pai na plantação e sou feliz por isso.
    E. M. Núcleo da Esperança/ São José do Rio Preto

  71. Calebe Nunes disse:

    Ao depender onde as pessoas moram, todos somos iguais, porque todos nós temos sentimento e diferenças, só o ambiente rural que muda, mas as pessoas são iguais.
    Aluno da E. M Núcleo Alvorada/São José do Rio Preto

  72. Sarah Neves disse:

    Eu tenho certeza que não devemos ter preconceito com o meio da localização rural, porque nós do meio rural também somos pessoas que tem vida, amor e interesse pelos estudos, a internet ajuda muito, e também aproveitar as oportunidades que Deus nos dá.
    Sou aluna da E. M Núcleo Alvorada/São José do Rio Preto

  73. Jeder Ramon disse:

    Na minha opinião sobre o vídeo, não existe mais barreira entre sítio e cidade, hoje as pessoas tem o mesmo direito de buscar a informação pelo computador, internet, televisão, rádio e o no celular também.
    Aluno da E. M Núcleo Alvorada/São José do Rio Preto

  74. Agner Antônio Macedo disse:

    A população do campo é muito importante para a agricultura do ser humano e quanto o lugar que mora isso não tem problema, todos os cidadão tem o mesmo direito.
    Aluno da E. M Núcleo Alvorada/São José do Rio Preto

  75. Diana Bueno disse:

    Temos que respeitar as pessoas que moram em todos os lugares, pessoas da zona rural também podem ter acesso a informática, que é muito bom para todos nós, até porque todo mundo tem que viver. Aqui na escola eu tenho aula de informática e também gosto de estudar.
    Aluna da E. M Núcleo Alvorada/São José do Rio Preto

  76. Roberto Santana disse:

    Nós não devemos zombar de quem mora no campo, mesmo porque lá não tem o que temos na cidade, pois eu tenho um amigo que mora no sítio e estuda comigo aqui na escola, ele também vem buscar o conhecimento como a gente.
    Aluno da E. M Núcleo Alvorada/São José do Rio Preto

  77. Kaslyn V. C. Felipe disse:

    o vídeo mostrou que não existe barreiras entre a cidade e o campo, por meio da informação as pessoas aproximaram ainda mais.
    Sou aluna da E. M Núcleo Alvorada/São José do Rio Preto

  78. Carolina Reis e Lívia Rosa disse:

    A gente que vive na zona rural sofre preconceitos, mas eles não sabe o que tá perdendo porque na zona rural não tem poluição e é calmo, é tranquilo, na cidade é muita poluição mais eles não respeita as pessoas que mora na zona rural e nós devemos respeitar isso, porque todo mundo é igual não importa a fala, a roupa, e nem onde a gente mora.
    Estudamos na E. M Núcleo Alvorada/São José do Rio Preto

  79. Eliézer Giovane Lima e Luís Fernando Carniel disse:

    Não é tão ruim assim morar no perímetro rural, somente que a vida no campo tem um pouco mais de simplicidade e menas poluição sonora, do ar e da água.
    nos também estuda na E. M Núcleo Alvorada/São José do Rio Preto

  80. Bianca Euzébio disse:

    Na minha opinião sobre o vídeo, temos que respeitar as pessoas que moram no campo, temos que respeitar as escolhas delas, e também não desistir dos sonhos e nem do conhecimento, morando na zona rural ou urbana. As pessoas rurais também são brilhantes, tem que ter coragem e estudar. E a tecnologia ajuda muito. Estou gostando muito desse projeto aqui na minha escola.
    E. M Núcleo Alvorada/São José do Rio Preto

  81. abc disse:

    A vida no campo é muito boa , pois plantamos alimentos para o consumo proprio e tem os animais para cuidar e é ,muito tranquilo pois geralmente na cidade são muitos carros e muito movimento. Eu acho que a vida no campo é bom em parte pois fica longe dos mercados e amigos ! moro na vila . . *-*

  82. rafaela disse:

    É muito bom morar em chácara, porque há pouca poluição sonora, menos poluição no ar , e é mais tranquilo, temos mais contato a natureza, se divertir mais, pegar frutos direto do pé.
    Eu acho que quem mora na vila não tem o contato com a natureza como os que moram na zona rural e nem divertimento :)

  83. eduarda disse:

    eu acho q avida no campo e bem legal e sussegado e sei q as pessoas sao bem simples e legal

  84. Loiane disse:

    eu acho que a vida no campo é muito boa , pois lá as pessoas cuidam da sua propriedade , dos animais , muitas pessoas tambem plantam o que come e tem contato com a natureza que é muito bom , pois geralmente nas cidades a vida não tão tranquila como é no campo . E essas pessoas são muito legais contam historias de como é lá e pra mim não importa se mora em chacara , sitio , fazenda ou cidade o que importa mesmo é o carater da pessoa ! moro na vila . . *-*

  85. Milena disse:

    É bem legal ,morar em chácara , pois não tem tanta poluição , é um lugar bem tranquilo onde podemos ter mais contato com a natureza . E na vila as pessoas tem menos contato com a natureza e tem mais poluição … :)

  86. Larissa disse:

    É ,muito bom , porque não tem poluição sonora , menos poluição no ar , dá para comer frutos naturais tiradas da árvore , é mais tranquilo … Eu acho que morar na vila as pessoas não se sentem a vontade , pois tem muito barulho …

  87. Wigor Fernando Gomes de Souza disse:

    A diferença entre os meios de transportes e a forma de comunicação: a internet é muito mais rápido para se comunicar. Antigamente não existia a internet e a vida era bem complicada, hoje temos este recurso que facilita a vida das pessoas.
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  88. Marcos Gustavo Damasceno disse:

    Antigamente não tinha internet, a vida das pessoas eram simples. Com a chegada da internet as pessoas do campo passaram a ter acesso as informações que todos podem ter. A tecnologia facilitou muito a nossa vida.
    Aluno 6º Ano B
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  89. Renan Aparecido Ferreira Duarte disse:

    É muito bom!
    Por que fala sobre a vida caipíra e também não tinha internet no sitio, já na escola eles aprenderam a usar a tecnologia. Isso facilita a vida, pois se quiser ser médico ou trabalhar em escritório é necessario usar as tecnologias.
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  90. Vitória Fernanda Pessoa disse:

    As pessoas do campo, antigamente, não tinha contato aos meios de comunicação. Era difícil, até mesmo, para eles se comunicarem com outras pessoas. Com a chegada da internet, deram mais acesso para eles descobrirem várias maneiras de se comunicarem com outras pessoas e ver outros conhecimentos, notícias, informações. Isso é muito bom pra todos nós.
    Aluna: 6º Ano B
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  91. Gabriel Cesar do Amaral disse:

    eu me chamo gabriel.sobre o notisiario e minha vida tem tudo em comum porque eu acordo cedo para pegar o onibus para ir para escola mais tambem tem varias coisas deferente tipo nao presiso caminhar para pegar onibus e sim o onibus vem ate mim.

  92. Gabriel Cesar do Amaral disse:

    eu me chamo gabriel.sobre o notisiario e minha vida tem tudo em comum porque eu acordo cedo para pegar o onibus para ir para escola mais tambem tem varias coisas deferente tipo nao presiso caminhar para pegar onibus e sim o onibus vem ate mim.
    Gabriel
    6º B – Carmem Nelita Anselmo Vettorazzo

  93. Luan Sabino de Souza disse:

    É muito bom, por que antigamente as pessoas não tinham internet, sendo assim descobriram varias maneiras diferentes de se comunicar. Isto hoje mudou e melhor, mais facíl, pela internet é possivel achar tudo o que p procuramos e precisamos. Aprendi muito com o video e que temos que respeitar a cultura de todos
    Aluno: 6º ano B
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  94. Vitória Souza Santos disse:

    A informação que o vídeo mostrou é muito bacana, porque mostrou as mudanças que as tecnologias nos trouxeram. As pessoas que moravam no sítio tinham pouquíssimo acesso e se queriam se comunicar tinha que enviar cartas, que demoravam muito para chegar. Hoje, por exemplo, temos os recursos tecnológicos como zapzap, e-mail, face, twitter e outros recursos além disso, que facilita muito a nossa vida!!!
    Aluna 6º Ano B
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  95. Júlia Medeiros Machado disse:

    O vídeo mostra que o menino vive em um local que não se vê tanta tecnologia, já quando ele vai para a escola ele passa ter acesso as tecnologias por meio da internet, tornando o mundo do garoto mais cheio de informações. Um programa muito interessante, pois interligam as pessoas do mundo todo.
    Aluna 6º Ano B
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  96. Bianca Cardoso Pereira disse:

    Achei areportagem diferendede nós, por que atualmente o onibus nos pega na frente de casa muitas das vezes e o aluno do video vai para à escola de à pé. Existe a diferença de horário. mesmo tendo internet atualmente muitas pessoas tem dificuldade de acessa-lá.
    Aluna: 6 º ano B
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  97. Carolina Oliveira de Araujo disse:

    A vida na cidade e no campo. A internet é para todas as pessoas. Facilita, mas não adianta nada ter internet para resolver outros problemas. Com internet é melhor para pesquisar para todos. Não é fácil pesquisar sem internet.
    =)
    Carolina
    6º B – Carmem Nelita Anselmo Vettorazzo

  98. Matheus da Silva Alves Pereira disse:

    Eu achei esse projeto bom e interessante e pra refletir as diferenças entre a zona urbana e rural. Antigamente, as pessoas mandavam cartas umas para as outras e era complicado. Hoje não, a gente tem o meio de comunicação que é a internet e isso facilita a nossa vida.
    =D
    6º B – Carmem Nelita Anselmo Vettorazzo

  99. Thaynara Prina Rampim disse:

    No sítio não tem muito meio de comunicação. Quando o garoto chega na escola ele se depara com outras tecnologias. Podendo aprender mais, por meio da aula de informática. Já no sítio onde ele vive não tem internet. É importante as pessoas terem acesso a outras informações.
    Aluna 6º Ano B
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  100. Hilda carvalho da Costa disse:

    Para ter acesso ao mundo da informação, só mesmo com a net. O que torna as pessoas interligadas a muitas informações. A internet tem recursos que facilita muito a nossa vida. Estou gostando muito dessa aula, é bem diferente, que fala também do bullying.
    Abraços aos leitores!!!
    Aluna 6º Ano B
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  101. Adriele Marcelino da Silva disse:

    Interessante, pois falava davida de uma pessoa que é parecido com o nosso dia a dia,e sua dificuldades no trajeto até a escola, já mudou um pouco com o transporteque nós temos atualmente. Se isto existisse emtodos os lugares o mudo seria melhor. Ajudaria as pessoas no seu dia a dia, facilitando e deixandotudo mais facíl.
    Aluna: 6 º ano B
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  102. Caroline de Macedo Alves disse:

    Eu achei o vídeo interessante porque mostra como é a vida com a internet e sem a internet. A vida antigamente era bem difícil porque não tinha internet. Era difícil para se comunicar porque você tinha que mandar cartas que podiam demorar até uma semana (eu acho) para serem entregues. Agora, com a internet, é mais fácil porque você pode se comunicar com os outros por meio de redes sociais ou correio eletrônico. Isso aproxima as pessoas.
    Caroline
    :)
    6ºB – Carmem Nelita Anselmo Vettorazzo

  103. Glória Oliveira de Paula Souza disse:

    As vezes, quem mora em lugar longe, ou no sítio, não tem acesso as tecnologias, mas se as escolas oferecer esses recursos, será muito bom para nós. Sem falar que nós vamos aprender igual todo mundo.
    Aluna 6º Ano B
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

  104. Caliandra Oliveira Santos disse:

    Todo conhecimento é muito importante. E a internet traz diversas informações. E também se saber usar, pode facilitar muito a nossa vida.
    Aluna 6º Ano B
    E.M. Carmen Nelita Anselmo Vettorazzo

Deixar um comentário